Pergunta: Se eu oro pela minha própria salvação, isso implica que estou ignorando a salvação da humanidade?

Sri Chinmoy: Se você ora a Deus, como pode ser indiferente? Pode até dizer que está buscando apenas a sua própria salvação e não está pensando nos outros. Mas eu lhe digo que o simples fato de você estar procurando a sua própria salvação implica que outros serão salvos. No dia em que você realizar Deus, estará fazendo um grande favor para a Mãe Terra, pois uma pessoa a menos estará aprisionada pela ignorância.

Vivekananda costumava dizer que, se uma pessoa ficasse no topo dos Himalaias e oferecesse a sua boa vontade a Deus, ele também estaria oferecendo o que tem de mais elevado para a humanidade. Você é um representante da Mãe Terra. Assim como os outros têm imperfeições, também você possui imperfeições. Mas você está tentando alcançar o mais Belo, o Altíssimo, o Absoluto. Enquanto está meditando, enquanto o seu mais elevado e puro tenta alcançar o Altíssimo, no plano exterior você pode não estar olhando para cá e para lá para uma pessoa ou outra, mas no plano interior você é um com eles. Você verá que, no dia em que receber iluminação, haverá outros que também receberão um pouco da sua iluminação. Outros virão até você precisamente porque alcançou a iluminação. Ao se tornar bom – se você conquistou alguma paz ou luz – é uma pessoa a menos que está na ignorância. Então, quando os outros o observam, ficam tão surpresos! Num momento, você parece tão comum, como eles. Mas no momento seguinte, eles veem algo em sua face.

Se você tem algum amor por Deus e ora para Deus, não pense que está cuidando apenas de si mesmo. Você está cuidando de si, mas também está cuidando por Deus. Primeiro você realiza Deus, mas essa não é a meta derradeira.

Quando realiza Deus e a Sua Bondade, Afeição, Amor e Compaixão, a sua realização é imediatamente seguida por manifestação. O cuidado que você tem pela sua própria manifestação se torna automaticamente o seu cuidado pela humanidade.

Se alguém acha que ao orar para Deus ele não está dando atenção às outras pessoas, ele está completamente errado. Se ele ora a Deus, automaticamente ele estará expandindo sua consciência interior, como um passáro abrindo suas asas. Se você for à base da árvore, verá que Deus é sua raiz. Se você rega a árvore, então a árvore-criação crescerá da forma que a Lei divina quer. A atenção que você dedica para a raiz da árvore, para Deus, alimentará todos os galhos que sobrevirerão e viverão de acordo com a perfeição de Deus.

Sri Chinmoy, Grandes Mestres e os Deuses Cósmicos.Primeira publicação de Agni Press em 1977.

Este é o livro número 344th escrito por Sri Chinmoy desde a sua vinda ao Ocidente, em 1964.

Aviso:

Se você estiver exibindo o que você copiou em outro site, por favor, inclua as seguintes informações, conforme os termos da licença:


por Sri Chinmoy
Do livro Grandes Mestres e os Deuses Cósmicos, disponibilizado sob a licença Creative Commons license

Close »