Meu mais perfeito Senhor...

“Meu mais perfeito Senhor, estou bem certo de que Você aprecia a minha sinceridade.”

“Não apenas aprecio a sua sinceridade, Minha criança, mas a admiro.
O que a incomoda, Minha criança, ó sinceridade encarnada?”

“Pelos últimos vinte e cinco anos, meu Senhor, estive usando, explicando e interpretando três palavras das mais complicadas: Infinidade, Eternidade e Imortalidade.
Agora, para minha sincera tristeza, eu mesmo não sei o que realmente significam.
Por fim decidi que não mais enganarei nem a humanidade, nem a mim.
Isso significa que não mais utilizarei as palavras Infinidade, Eternidade e Imortalidade.”

“Minha mais doce criança, não precisa enganar a si mesma e nem a humanidade.
Estou lhe ensinando o significado de Infinidade, Eternidade e Imortalidade.
Infinidade é o Deus que realiza, realizado e eternamente realizador.
Eternidade é o Deus que revela, revelado e eternamente revelador.
Imortalidade é o Deus que satisfaz, satisfeito e eternamente satisfatório.”